quinta-feira, 19 de novembro de 2009

Não, por favor.


Não, não tem que ser desse jeito, por favor, não vai embora agora, não me deixe sozinha, eu tenho medo, por favor.
Não, não me faça implorar, por favor, não deixe isso acontecer, eu não quero te machucar, por favor.
Não, eu não vou embora, não tão longe, por favor não me deixe ir.
Droga isso é tão melodramático e tão ternurinha, isso não era pra acontecer. Eu odeio sentir isso, confusão, por favor agora não fala comigo, eu realmente não quero ser grossa com você.
Deixa eu e o meu caderno em paz, isso não pertence a você, sim é sobre você, algumas coisas apenas, mas não é seu, por favor não tente ler, você vai se decepcionar com a minha máscara de fortaleza, ou de insensivel ou outra coisa que pareça te agradar. Se você ler o meu caderno, o meu diário psicodélico, você vai se decepcionar, a minha máscara vai cair e eu vou entristecer, vou desistir de você, então por favor não fala comigo agora.

Um comentário:

  1. Nossa curti muito essa...Sei lá pq...Rsrs = P


    Bjkks da eli ; ]

    ResponderExcluir